Setor de Tecnologia da Informação do Sertão de Sobral apresenta suas prioridades ao Move Ceará

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

O terceiro encontro do Move Ceará reuniu na manhã desta quarta, 02/02, representantes e agentes estratégicos do setor produtivo de Tecnologia da Informação e Comunicação (TICs) da Macrorregião Sertão de Sobral. O evento aconteceu em formato virtual e reuniu representantes dos cursos de Engenharia da Universidade Federal do Ceará e do Departamento de Tecnologia da Informação do IFCE.

A importância da aproximação entre Tecnologia da Informação, Mecatrônica e Indústria da Moda foi uma das questões apresentadas pela professora Daniele Teixeira, do Departamento de Extensão, Pesquisa, Pós-graduação e Inovação (DEPPI) do IFCE de Sobral. Ela destacou as necessidades relacionadas à inclusão de processos de automação e criação de novos produtos na cadeia produtiva têxtil, por exemplo.

O professor Iális Cavalcante, professor do curso de Engenharia da Computação na Universidade Federal do Ceará – Campus de Sobral, destacou a importância do diálogo da academia com o setor produtivo da região. “Algumas empresas da área da moda sempre chamam alunos para trabalhar como estagiários, sempre há a demanda de recursos de TI em seus processos internos”, relatou o docente. 

“A principal demanda que nós temos não é só de formação de novos profissionais. Mas a necessidade é que os alunos estejam mais conectados às reais demandas das empresas locais. Falta essa aproximação”, completou.

O professor Fabiano Ribeiro, professor do Eixo Controle e Processos Industriais do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará do IFCE – Campus Sobral, complementou: “Com pandemia muitas empresas trouxeram digital para sua realidade, então a formação de novos profissionais deve estar em conformidade com isso”.

Algumas das ações prioritárias levantadas foram a necessidade de formações setoriais profissionalizantes e o mapeamento das empresas de tecnologia da informação e da comunicação do Sertão de Sobral.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.