Setores prioritários da Grande Fortaleza são tema de primeiro encontro do Move Ceará

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Com destaque para a macrorregião da Grande Fortaleza, o primeiro encontro regional do Move Ceará aconteceu na tarde desta terça-feira, 14/12, no auditório Murilo Aguiar, na Assembleia Legislativa do Ceará. O encontro reuniu lideranças da indústria, comércio, serviços e outros representantes do setor produtivo para debater as áreas prioritárias da região, composta por 19 municípios. 

Uma iniciativa da Assembleia, por meio do Conselho de Altos Estudos e Assuntos Estratégicos, e da TrendsCE, plataforma especializada em comunicação e desenvolvimento de negócios, o Move Ceará buscou ouvir os principais agentes estratégicos da Grande Fortaleza.

“Nós queremos fazer de uma forma regionalizada, escutando o setor produtivo, porque nem sempre uma política que é adotada em uma região é a mesma adotada em outra. São cadeias diferentes, setores diferentes, e por isso é tão importante termos essa sensibilidade”, ressaltou o deputado Evandro Leitão, presidente da Assembleia Legislativa.

De acordo com Evandro, a proposta é que, ao final dos 14 encontros, seja apresentado um documento que possa se transformar em política pública para o Estado. “A TrendsCE veio se juntar conosco para fazer essa escuta junto aos setores produtivos, para assim estarmos efetivamente fazendo essa retomada da economia”, completou o deputado.

Marcos André Borges, CEO da Trends e idealizador do projeto, ressaltou os impactos positivos do Move Ceará a longo prazo. “É um projeto de estado, não de governo. Ele deixa um legado muito importante para o Estado do Ceará e para o povo cearense”, pontuou. 

Após o debate no primeiro encontro, de acordo com o deputado Tin Gomes, os municípios e setores serão procurados para que suas demandas sejam ouvidas. “Nós iremos em cada município pegar informações, questionamentos e angústias que eles estão passando nesse setor, para poder unificar com trabalho de hoje e formatar essa primeira etapa do move ceará que promove a interlocução entre o setor público e o setor produtivo”, disse o deputado, que é presidente do Conselho de Altos Estudos e Assuntos Estratégicos da Assembleia.

A estratégia de trabalho para elaboração da agenda do projeto foi apresentada por Mariana Chaves, coordenadora do Move Ceará. A macrorregião Grande Fortaleza englobou sete áreas prioritárias, a saber: turismo, tecnologia da informação e comunicação, agronegócio e agricultura familiar, logística, saúde, energia e economia do mar. Além da Grande Fortaleza, o Move Ceará irá visitar as demais 13 macrorregiões do Estado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.